Porque perseguir a felicidade pode te fazer se sentir mais infeliz


A sugestão de que todos deveriam se sentir feliz o tempo todo parece estar emergindo como um novo fenômeno na cultura pop. Filmes, livros e letras musicais enviam mensagens (Veja só o rock todo feliz do Coldplay nos últimos anos, ante as letras melancólicas dos anos passados) que dizem: “Você merece ser feliz.” Porém, pesquisas mostram que perseguir a felicidade pode realmente fazer você se sentir pior.

Because  i´m happy...
Because i´m happy…

O paradoxo Felicidade

Embora existam inúmeros livros, sites, e pessoas, que se oferecem para das conselhos sobre a forma de alcançar os níveis ideais de felicidade, o caminho exato de como chegar lá permanece um pouco nebuloso. Na verdade, a maioria das pessoas fazem suposições incorretas sobre o que vai fazer com que se sintam felizes. Estas previsões incorretas levam as pessoas pela trilha errada, e elas acabam não encontrando a felicidade com facilidade que ela é demonstrada.

Às vezes as pessoas supõem incorretamente que ter filhos, conseguir um novo emprego, ou ter o seu próprio negócio, vai faze-las aumentar automaticamente o nível de felicidade. Mas, muitas vezes, essas mudanças não resultam no aumento da felicidade que as pessoas esperam. Quando as tentativas de aumentar a felicidade falham, isso pode deixar as pessoas se sentindo mais infeliz do que nunca.

Tomemos por exemplo uma pessoa que pensa que mais dinheiro será igual a mais felicidade. Se ele já tem um salário “decente”, um pequeno aumento não irá ajudar. Na verdade, US$ 75.000,00 anuais  parece ser o ponto de referência para a felicidade, de acordo com pesquisa da Woodrow Wilson School da Universidade de Princeton.  Não importa o quanto mais você ganhar além dessa marca, eles não contribuirão para o aumento da sua felicidade. Assim, uma pessoa que trabalha duro para ganhar um pequeno aumento pode ser muito decepcionado quando esse aumento não entregar o impulso esperado, em felicidade, e ele pode se tornar ainda mais infeliz do que antes.

 

As chaves para a felicidade

O que você pode fazer se você quiser aumentar a sua felicidade? Bem, o que a maioria das pesquisas parecem concordar é que comportamento pró-social aumenta a felicidade. Ganhar mais dinheiro pode não te fazer mais feliz, agora, fazer doações desse dinheiro, pode.

Fazer boas ações pode sair pela culatra se você vai fazer sobre isso da maneira errada. A mais recente pesquisa da felicidade, da Universidade Stanford, da Universidade de Houston, e Harvard Business School mostra que, para alcançar um aumento da felicidade, as pessoas precisam estabelecer metas atingíveis destinadas a ajudar outras pessoas. Quando esses objetivos são alcançados, a felicidade aumenta para o doador e, claro, muito mais para o receptor .

Aqui estão alguns exemplos de metas pró-sociais concretas e viáveis ​​:

-Em vez de dizer que você quer fazer alguém feliz, diga que você quer fazer alguém rir. Parece questão semântica, mas, fazer alguém rir, é muito mais mensurável e alcançável do que fazer alguém feliz;

-Ao invés de dizer que você vai ajudar os menos afortunados, doar cestas básicas para alguém a cada mês;

-Substitua o mudar o mundo para visitar um Lar de idosos uma vez por mês.

Criar metas atingíveis ajuda a estabelecer expectativas razoáveis ​​para a quantidade de felicidade que você vai experimentar quando o objetivo é alcançado. Tentar fazer do mundo um lugar melhor, um pequeno passo de cada vez, pode fazer seu medidor de felicidade subir, tanto, ou mais do que ter metas egoístas.

 

Fontes:

http://content.time.com/time/magazine/article/0,9171,2019628,00.html

http://faculty-gsb.stanford.edu/aaker/documents/GettingMostOutGiving.pdf

http://www.forbes.com/colleges/stanford-university/

http://www.forbes.com/colleges/university-of-houston/

http://www.forbes.com/colleges/harvard-university/harvard-business-school/

Anúncios

Um comentário sobre “Porque perseguir a felicidade pode te fazer se sentir mais infeliz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s