10 palavras para apagar do seu vocabulário


De uma comunicação profissional até em conselhos para carreira, estas 10 palavras surgem nas conversas entre empreendedores e executivos, mas não significam nada e não levam a lugar algum. Apague-as do seu vocabulário imediatamente!

 

Se for pra repetir essas palavras, não fale!
Se for pra repetir essas palavras, não fale!

1- Hum…

Josh Tolan, Presidente da Job matching , chama isto de “onomatopéia inarticulada”, faz você parecer indeciso e pobre em idéias.

2 – Não consigo!

Henry Devries, co-autor do livro Closing America’s Job gap (ainda sem tradução para o português) e Professor da Universidade da Califórnia, diz que a frase “não consigo” significa “eu não farei” ou “eu não sei como”. Uma melhor forma de usá-lá é substituir por “eu quero aprender como se faz”.

3 – Gosto

Nancy Mobley, fundadora da consultoria Insigth performance , diz que quando “gosto” é usado sozinha, mostra um vocabulário pobre. Fala sinceramente se você não gostou e porque, ou diga que gostou e porque!

4 – Nunca

“Não abuse da sorte”, diz Dale Austin, Diretor do Centro de desenvolvimento de carreira na Hope College. “Nunca” elimina qualquer possibilidade de desenvolver uma idéia e ainda faz você parecer alguém sem coragem.

5 – Mas

Darlene Price, autora de Well sais (ainda sem tradução para o português) diz que a palavra “mas”, nega tudo que veio antes dela. Ela sugere então, substituir pela palavra “e” ou reformula a frase.

6 – Inovador

Esta é usada com freqüência nas terras do Linkedin. Sempre sai na lista das palavras mais usadas em negócios. Risque ela do seu vocabulário e do seu currículo. Apesar de ter um bom significado, perdeu o se poder no mar de clichês.

7 – Provavelmente

“Provavelmente”, aparece com frases como “eu acho” e “uma espécie de”, quem sempre fala isso, não inspir confiança ou força.

8 – Não

Ninguém gosta de escutar um “não”, ao invés de “não”, substituo por “eu faria se pudesse”.

9 – Etc

Robert Finder, autor de “The financial professional’s guide to communication’s” chama isto de “não-palavra”, ela enche uma frase de significado(só que não). Ao invés dela, encha sua fala de exemplos e ilustrações.

10 – Realmente

Esta palavra é uma pobre tentativa de exalar sinceridade e veracidade, isto faz
seus cliente e colegas questionar o quanto você “realmente” está dizendo a verdade.

 

Concorda, discorda, quer acrescentar alguma palavra? use os comentários e gera mais discussão!


Adaptado de  “10 words to erase from your vocabulary” – disponível na Forbes, escrito por Deborah L. Jacobs

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s